SUPIMPA


Som-gato, me esgueiro por entre pernas.

Silente obro curvas, descente convivo.

Jocoso, tento o desconfiado agrado.

Sorrateiro, imagino-me etéreo.

Já gosto, emancipo o chiste, busco

comanda de matéria distinta.

Pesada arte; desgosto.

Com tirocínio manejo ferramentas.

Também almejo fuga da inércia.

Busco organismos latentes – medro!

De araque; saio de fininho.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags